why, no, por que??

fevereiro 12, 2009

não entendi muito bem qual justificativa, ou seu porquê.

Ao ver o título, meu cérebro instantaneamente me induziu a pensar em fazer algo que ela não goste que ele faça, (o comentário mais bem colocado do dia) ou talvez por ser o assunto que a galera sempre põe em pauta, seja ele parar(Z), continuar(E) ou comprar(P).

Outra justificativa que me veio a mente foi que, incrivelmente, duas cabeças “ao sol escaldante” têm o inglês como língua de fluxo que as seguem. Mas apesar de não achar justificativa para isso, a caminhada seguia (mas pensando bem, talvez seriam as 50 primeiras páginas de um livro qualquer fazendo efeito).

Pffffffff…. como o cara me vem citando o filme que eu acabei de te falar!!!

Talvez as interrupções sejam alguma justificativa, sejam elas de Campinas, Vila Isabel,  de algum hippie qualquer, ou de um baterista durão. Mas qual é a justificativa dessas interrupções (lembrei que o movimento antropofágico também foi interrompido – a wikipedia explica melhor- ah! filólogo era o nome da profissão )?

Lembro que outro dia nos questionáva-mos sobre o que aconteceu (é…tiveram “caminhadas longas, repetitivas, sempre distraindo as atenções”…).

Talvez isso cheire um pouco despretensioso, mas a resposta deve estar no seu cérebro…..talvez na sua mente……ou quem sabe na sua cabeça….

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: